alcance-facebook-rede social

Não é uma experiência muito agradável quando você se debruça sobre um projeto, desenvolve conteúdo relevante, uma arte incrível e, quando imagina que está tudo impecável e pronto, vem o Facebook, sei lá por qual critério, e puxa o tapete informando que sua arte ultrapassa os 20% de texto estipulado. Você também já passou por isso, confessa!
Quando afirmamos: “sei lá por qual critério’’, queremos dizer que a regra dos 20% não é confiável, pois o Facebook é a plataforma que define, supervisiona e gerencia uma regra que eles mesmos criaram, mas quem supervisiona a supervisão da rede social? Eis um paradoxo interessante. O mais engraçado é que isso acontece com algumas marcas, outras, felizmente para elas, passam batidas – como é o caso da RIO CARIOCA:

alcance-rio-carioca

Há uns dias fizemos o teste na ferramenta de sobreposição do Facebook (ele próprio oferece a ferramenta para medir a quantidade de texto) e estava ok. Hoje, com a mesma imagem, testada na mesma ferramenta, está acusando baixo alcance. Você deve estar se perguntado: “ué, mas não é a mesma imagem?!” Sim, é a mesma imagem, na mesma ferramenta, com as mesmas ‘regras’, mas não temos a resposta para essa pergunta. Será que esses caras descobriram a fórmula mágica para enrolar o tio Mark?

De qualquer forma, alguns criativos, utilizando o jeitinho brasileiro, que pouco deixa na mão, encontraram maneiras de burlar essa regra. Veja nesse artigo compartilhado pela página Social Media na Veia.
Além do vídeo, o texto compartilhado por eles também questiona algumas práticas, aponta alguns dados levantados através de testes e nos leva pelo caminho do questionamento – que costuma ser bastante eficiente. O ideal, por enquanto, é ir testando, questionando, pesquisando e levantando todos os resultados. Uma hora ou outra a verdade vem à tona. Seja por nosso empenho de não ficar de braços cruzados, ou por uma sábia decisão da plataforma de realmente jogar limpo – caso não esteja fazendo.
Tem passado por isso? Compartilha sua dor de cabeça com a gente!